Sharing is caring!

Hoje trazemos um post um bocadinho diferente, talvez sejam já os ecos da nossa rúbrica de ecoliving  a dar sinal na nossa vida. Queremos falar de ritmos da natureza, do respeito que nos merecem, como devemos acolhê-los nas nossas casas e explicá-los às nossas crianças.

Primavera para nós é sinónimo de alegria, flores, cores, mas também de recomeços e mudanças de ritmo, já que nesta altura nos despedimos do frio do inverno e dos dias curtos e dizemos olá aos dias quentes e mais longos que nos preparam para o verão.

Queremos mudar, renascer e trazer a Natureza para casa. Mas será que estamos mesmo a respeitar os seus ciclos? Será que sabemos que flores são típicas de cada tempo? Será que escolhemos marcas que respeitam os ritmos da Natureza?

Este respeito e preocupação com a Natureza é cada vez mais importante para nós e gostamos de nos rodear de quem também acredita nestes valores. E por isso apresentamos-vos a KCKliKO.

A KCKliKO é um atelier de design floral que criou raizes em Lisboa. Nele, Albane e Luis trabalham de forma artesanal com as mais bonitas flores de estação.  Privilegiam os recursos locais e é na expressão mais indomada da natureza que procuram a sua inspiração. Do ramo mais simples ao casamento mais extravagante, abraçam cada pedido de todo o coração!

Acreditam que:

‘Com cada nova floração a natureza é redesenhada. Gostam de respeitar a fluidez da sua sazonalidade.’

Perguntá-mos-lhes como é que podemos receber a primavera em casa respeitando o seu ritmo, que flores devemos escolher, que vegetação procurar…. E a KCKliKO esclareceu-nos:

‘A Primavera, com a sua exuberância de flores traz cores e perfumes que nos enchem de alegria. A papoila, de aparência frágil que perde rapidamente as suas pétalas se a colhermos, regala os olhos salpicando do seu carmim os campos!’

‘As ervilhas-de-cheiro violáceas, as papoilas-da-califórnia laranjas, o jasmim e os trevos, tal como as anémonas, as frésias e os ranúnculos multicores misturam-se com os milhares de pequenos detalhes verdes das gramíneas. A dramática e fascinante nigella também faz parte da paisagem desta estação. As esplêndidas peónias despertam só durante um mês debaixo de uma chuva de pétalas de rosas cor-de-rosa.’

É com este mindset que abraçamos a Primavera, queremos viver cada momento com aquilo que a Natureza nos dá, aceitar isso e agradecer isso. 

Se respeitarmos os ciclos de cada momento estamos a viver melhor e a ensinar a viver melhor também. Aprendemos sobre a espera, a paciência, sobre o semear para depois colher, e colher às vezes pouco, outras vezes em abundância. 

Todas as imagens de KCKliKO // All images from KCKliKO

Sigam a KCKliKO aqui e conheçam melhor o seu trabalho aqui.